24/04/11

Written Words

[Diamonds]
if you were born with an diamond soul..
well, let me warn you, life is about to unfold..
But the world is not.. as you were told;

they have seas full with water but..
the only water you can drink,
is about the size of your eye drops.

So you will sink,
sink.. sink... sink....
and then..
finally, you´ve found them,
With a glass full of gold..
as you were told....
- fC [2011]


[Where are you?]
worm shell sleeping,
the world .....is screaming!

she was there,
now she´s leaving.

wonder where the light is hidden.
the hope´s fading,
but the question
still remaining,
where are you?
where are you?
- fC [2011]

[Soulshine]
A tua brilhante luz, preenchida de cores primavís,
liberta-me deste destino; culpado pelo meu desvanecer.

Essa luz, que me faz acordar deste sono diário
e que me aquece este corpo, à muito desabitado.

...sem ti ..não existo!

Por isso te peço, não deixes de sorrir.
<^> 2011

[Vai-te Embora!]
Tinhas um mundo à tua frente,
reagiste a quente.
Não sei que se passou na tua mente
mas agora nada me arrepende,
de seguir em frente.

Não mereces a minha inamizade,
quanto mais a minha amizade.
Vai-te Embora!
- fC[2011]

[Este pesadelo..]
Ao lado do teu Mercedes está a tua casa de lata.
Não te exibas; eu sei onde moras..
A cortina que todos os dias colocas à tua frente,
é hoje invisível aos meus olhos.

..tiras a saia e não te sobra nada.

Até hoje tenho pesadelos do monstro, que tu és!
- fC[2011]

14/04/11

An Interesting Sentence

"Os artistas que se dedicam a compor canções no estilo pop têm como principal objectivo a sua audiência e o seu sucesso comercial, muitas vezes cantando em diversos géneros musicais." in wiki

08/04/11

Blood Sweat & Tears

Blood, Sweat & Tears (also known as "BS&T") is an American music group, originally formed in 1967 in New York City. Since its beginnings in 1967, the band has gone through numerous iterations with varying personnel and has encompassed a multitude of musical styles. What the band is most known for, from its start, is the fusing of rock, blues, pop music, horn arrangements and jazz improvisation into a hybrid that came to be known as "jazz-rock". Unlike "jazz fusion" bands, which tend toward virtuostic displays of instrumental facility and some experimentation with electric instruments, the songs of Blood, Sweat & Tears merged the stylings of rock, pop and R&B/soul music with big band, while also adding elements of 20th Century Classical and small combo jazz traditions.

in, Wiki.

Recommendations:  I Love You More Than You´ll Ever Know, You've Made Me So Very Happy, Lisa, Listen to Me, Spinning Wheel.

03/04/11

Portuguese Knives

Apesar de ser Português, infelizmente tenho de admitir que até muito recentemente a música Portuguesa nunca me atraiu. Sentia que não havia música com grande qualidade.

Actualmente e depois de um pequeno esforço da minha parte, tenho uma opinião diferente.

Parece-me que o problema não está na qualidade da música aqui produzida mas sim na música que chega aos nossos ouvidos. Comecei a procurar mais sobre a nossa música e em pouco tempo descobri duas bandas interessantíssimas, através de uns colegas.

Estas bandas têm estilos completamente diferentes mas ambas se destacam, pela sua sonoridade amplamente criativa.
A primeira banda denomina-se Boitezuleika. É uma banda do Porto, criada em 2000. Os Boitezuleika têm um som muito rico. O seu estilo tem bases no jazz e uma musicalidade brasileira com uma percussão africana. Daí o seu som muito característico.
Linda Martini é o nome da outra banda. Formaram-se em Lisboa no ano de 2003. O seu estilo é muito alternativo, com bases no punk e no hardcore. O seu som é tão peculiar que quando os ouvi pela primeira vez não acreditei que fossem Portugueses, isto porque, não há em Portugal outra banda com esta sonoridade.

Aqui ficam alguns links para que vocês  próprios se apercebam que há realmente música de qualidade a ser produzida em Portugal. Mas principalmente que se questionem tal como eu me questionei, o porquê de estas bandas tão ricas na sua musicalidade não chegarem aos nossos ouvidos. Porquê? Será que a música popular é a única música com mercado em Portugal? Será que nós podemos fazer algo contra isso? Será?
Eu não tenho resposta para essa questão. A única coisa que eu posso dizer é que.. I have my Knives out!

Nos Boitezuleika as músicas que destaco são: Tóxico Prostituta, Espero-te na Estação (do Comboio), Marcha Sambada e Cidade de Marionetas.
Linda Martini: Mulher a Dias, Belarmino, Elevador, Amigos Mortais, Amor Combate, Dá-me a Tua Melhor Faca. Concerto ao vivo

02/04/11

The King of Limbs [Radiohead - 2011]

The King of Limbs é o oitavo álbum da banda inglesa de rock alternativo Radiohead. Foi anunciado apenas quatro dias antes do seu lançamento, no dia 14 de Fevereiro de 2011. O álbum inclui "dois vinis 10" numa capa especial, algumas folhas grandes encarte, 625 peças pequenas de encarte e uma peça colorida de plástico oxo-degradável para manter tudo junto.

Aqui fica um link da página dos Radiohead no Youtube onde estão disponíveis todas as musicas deste novo álbum. (não são todas as bandas que disponibilizam a totalidade do seu álbum e em tão pouco tempo depois do seu "release". Só demonstra mais uma vez a sua grandeza e também o apreço que a banda tem pelos seus fãs.)
Link Youtube: Radiohead[The King of Limbs]

Outros links:
- Blitz
- Wiki
- Myspace

01/04/11

As dificuldades da A.R.C.M. (Associação Recreativa e Cultural de Músicos)

"A Associação Recreativa e Cultural de Músicos é uma associação que nos seus vinte anos de existência tem vindo a desenvolver e a apoiar os jovens do concelho de Faro e adjacentes, nas suas mais diversas formas e expressões artístico culturais."

Agora esta Associação está novamente com os seus projectos em risco dado que tem em curso uma acção de despejo da sua actual sede.

Lembro que a A.R.C.M. acolhe mais de 30 projectos musicais (sem contar com os projectos em lista de espera) que usufruem das suas 18 salas para ensaios e também de um estúdio onde podem gravar os seus trabalhos; disponibiliza ainda uma sala polivalente, com capacidade até 1000 pessoas, para grupos de teatro, grupos de dança, entre outros e claro para apresentação de trabalhos. Cede também instalações para outras associações.

Fica então aqui uma chamada de atenção para este problema, que é real e que põe em causa muita coisa. Incluindo o rumo musical de todas estas bandas farenses e não só, que podem de um momento para o outro ficar sem local para ensaiar.

Para finalizar deixo aqui um link de uma entrevista concedida pelo Sócio-Fundador da A.R.C.M. Armindo Silva à DigitalMais TV, no dia 21 de janeiro de 2011, onde este dá a conhecer o percurso e a situação actual da associação. Entrevista com Armindo Silva